terça-feira, 29 de março de 2011

ZACARIAS E ISABEL – UMA FAMÍLIA SACERDOTAL

Ao percorrermos o Novo Testamento em seu início somos logo impactados pela maravilhosa e extraordinária figura do precursor de Cristo, que foi João Batista. E essa pessoa legendária amplamente destacada pelo próprio Senhor Jesus Cristo ocupa um lugar honroso em todas as ações neo-testamentárias. Porém achamos tremendamente injusto falarmos deste grande homem sem levar em conta os personagens que se constituíram em canais da graça para trazê-lo ao mundo, que foram seus queridos e abençoados pais: Zacarias e Isabel.

I- IDENTIFIQUEMOS O IMPORTANTE CASAL – vv. 5-7
Zacarias era um valoroso sacerdote judeu, da ordem de Abias, que teve o privilégio de ser informado, antes de qualquer outro, de que Deus visitaria pessoalmente a terra por intermédio de seu Filho Jesus Cristo. Isabel era sua mulher, da linhagem também sacerdotal, mas que por viver em uma sociedade que valorizava desmedidamente a maternidade carregava dentro de si a frustração de ser estéril e já avançada em idade. Nas várias aparições bíblicas do ilustre casal há uma clara demonstração de que se tratava de uma família especial para Deus, pois era marcada: 1) pelo senso de justiça que dominava o estilo de vida daquele distinto casal; 2) pela irrepreensibilidade constatada nas relações da família em meio a seu círculo social, pois ser irrepreensível é ter uma boa avaliação por parte das pessoas que nos conhecem. Fazendo valer o brocardo atribuído a certo sábio ao se referir à rainha da Inglaterra, ao dizer: “Para a Sua Majestade, não basta apenas ser honesta, tem que parecer honesta”. Zacarias e Isabel, nos escritos de Lc 1.6, eram justos, obedientes e irrepreensíveis e pareciam aos olhares dos circunstantes que eram.
Em outras palavras: aquele outro provérbio popular, “faça o que eu mando, e não o que eu faço”, não se aplicava em nenhum momento a Zacarias e Isabel, pois segundo a narrativa bíblica o casal vivia o que pregava e pregava o que vivia.
II- ENQUANTO ZACARIAS DESVIAVA O FOCO DE SEU PROBLEMA, E SE PREOCUPAVA COM O PRÓXIMO, DEUS INTERVEIO A SEU FAVOR – vv. 11-23
Interessante é que Zacarias era justo, honesto, irrepreensível e relevante para a sua época, mas mesmo assim carregava essa grande decepção de não ser pai. E não foi por falta de empenho, pois imagino ter levado Isabel aos maiores e melhores profissionais médicos da época e depois dos incontáveis exames rotineiros, o diagnóstico era um só: esterilidade irreversível, ou seja, Isabel jamais experimentaria a alegria da maternidade.
Zacarias e Isabel oraram, conclamaram os crentes a fazerem vigílias de oração, e nada! E o mais grave de tudo é que o casal tinha contra si o obstáculo do tempo, e já adentrara a terceira idade e certeza absoluta não lhes faltava de que, física, psíquica e biologicamente falando, as suas chances estavam esgotadas.
Com essa consciência bem definida, o casal já se conformara com aquela incômoda situação e já se preparara para viver uma velhice tranquila, se dedicando com esmero ao Senhor.
Foi quando Zacarias se esqueceu de seu problema e se preocupou inteira e completamente com as angústias de seu povo, tanto assim que se ofereceu totalmente ao seu povo, que Deus milagrosamente se propôs resolver o problema que o humilhava, o maltratava e o fazia chorar. O anjo Gabriel, ministro de Deus, sempre portador de grandes notícias, se apresentou ao velho sacerdote e lhe disse: “Zacarias, não temas, porque a tua oração foi ouvida, e Isabel, tua mulher, dará à luz um filho, e lhe porás o nome de João”.
Por estar face a face com o anjo do Senhor, Zacarias teve, por certo, uma queda de pressão arterial, sentiu medo e por alguns instantes recusou-se a crer na notícia por achá-la boa demais para ser verdadeira, face às dezenas de impossibilidades humanas que os cientistas da época o fizeram acreditar. E em consequência disso, foi-lhe tirada a capacidade da comunicação verbal: ficou emudecido.

III- QUANDO É DEUS QUEM FALA, AS COISAS ACONTECEM – vv. 24,25
É só ligarmos o rádio ou a televisão nos programas ditos evangélicos que logo perceberemos a enxurrada de profecias, afirmações bombásticas e frases psicológicas proferidas aos montões e usando desavergonhadamente o nome de Deus chancelando tais bravatas que dão conta de coisas futurísticas que nunca vão acontecer. E o tempo passa e nada acontece e os tais “gurus da fé cristã” continuam sem sofrer nenhuma punição de seus inúmeros seguidores. Mas, por certo, bem sabemos que Deus os julgará, pois segundo o apóstolo Paulo: “Deus não se deixa escarnecer...” (Gl 6.7).
Voltando ao tema, a profecia já mencionada tinha tudo para não se cumprir, caso fosse meramente humana, pois parecia anacrônica e absurda, porém aconteceu.
Foi notória a expectativa com a demora de Zacarias – v. 21; pois o povo bem sabia da aspereza e dos riscos que corria o sacerdote ao adentrar no Santo dos Santos. Determinado comentarista afirma que a exigência do Senhor era tão grande para esse intercessor que, se porventura ele tivesse algum pecado oculto, não sobreviveria diante da presença poderosa de Deus. Em muitas situações, no Antigo Testamento, historiadores afirmam que uma corrente era amarrada no corpo do sacerdote, ao penetrar no local do sacrifício, pois caso ele viesse a falecer, seria trazido para fora a fim de ser sepultado. Porém diz a Bíblia que com Zacarias não havia essa possibilidade em virtude da vida cristã pura desse autêntico homem de Deus.
Vai aqui o nosso destaque maior ao que o anjo lhe disse: Isabel e ele seriam pais, e isso aconteceu! E não era qualquer criança, seria um menino que se chamaria João e que iria impactar o mundo de então, como um verdadeiro profeta que destemidamente pregaria com autoridade e, mais do que isso, iria preparar o caminho que havia sido tão bem decantado pelos patriarcas e profetas, para que o próprio Deus humanado pudesse vir ao mundo para nos resgatar de nossos muitos pecados.
Isabel e Zacarias, conhecedores dos oráculos divinos, observadores da história, não tiveram dúvida de que aquele filho era algo especial, um prêmio, um presente de Deus para a humanidade. Isso porque, diante do drama que viveram os seus pais e em sendo eles pessoas públicas, todos tinham conhecimento da humilhação e do deboche de que o casal fora vítima. Então, com o nascimento de João e a consequente soltura da língua de Zacarias, os parentes, amigos e vizinhos da família ficaram maravilhados e perguntaram: “Quem será, pois, este menino? E a mão do Senhor estava com ele” (Lc 1.66b).

PARA PENSAR E AGIR
. A Bíblia diz que Isabel e Zacarias eram ambos justos, irrepreensíveis e obedientes a todos os preceitos de Deus. Bem sabemos que o casal foi tremendamente abençoado, foi poderosamente usado pelo Senhor na pregação, no consolo e no conforto de seu povo e nos extertores da vida foi honrado sendo simplesmente pais de João Batista. E você, irmão(ã), quer também ter uma vida coberta de milagres? Siga os passos do ilustre casal.
. A lição bíblica também diz que enquanto Isabel e Zacarias ficaram preocupados com o problema deles nada acontecia, porém quando desfocaram de seu problema e se propuseram abençoar os outros, Deus interveio e o milagre aconteceu. Ore a Deus para que o livre do egocentrismo.
. A lição diz que a diferença entre a falsa profecia e a verdadeira é que nesta Deus faz acontecer e naquela, homens falam e nada acontece.
. Isabel e Zacarias choraram muito pela vergonha, pelo deboche e pelas humilhações que passaram, mas no fim, quase na prorrogação, Deus lhes permitiu fazer o “gol da vitória” com o nascimento de João Batista. Isso confirma o que a Bíblia diz no Sl 30.5b: “... Choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã”. Sl 40:1: “Esperei com paciência no SENHOR, e ele se inclinou para mim, e ouviu o meu clamor”.
Espere, amado(a) irmão(ã), sempre no Senhor. E Ele suprirá as suas carências essenciais.
LEITURAS DIÁRIAS:
segunda-feira:... Lc 1.5-7
terça-feira:... Lc 1.8-10
quarta-feira:... Lc 1.11-23
quinta-feira:... Lc 1.24-38
sexta-feira:... Lc 1.39-56
sábado:... Lc 1.57-66
domingo:... Lc 1.67-80

4 comentários:

anderson garcia da silva disse...

Estava curioso para saber sobre a história desses servos de Deus, parabéns amados,ótimas explicações.

Anônimo disse...

gostei muito deste comentário bíblico,pois abençoou minha família.

Anônimo disse...

Deus me levou a meditar sobre esse casal, e me revelou algo que já tenho pregado várias vezes em vários lugares, e hoje tornei a sentir a necessidade de meditar neles, em tempos tão difíceis como aquele tempo onde se passou esse episódio, um governante mau sem escrúpulos assassino, etc. ainda tinha o problema da esterilidade, e da idade do casal, diz da realidade de muitos hoje, ao meu ver a história é a mesma, só muda os personagens, essa história se identifica comigo, literalmente, fui estéril durante sete anos de casado, quando aceitei Jesus Cristo, passei a conhecer a palavra que traz esperança vida, agrada te do senhor e ele realizará o desejo do teu coração, bom eu também já era sacerdote, só um sacerdote real, Zacarias foi escolhido por sorte dentre muitos sacerdote que muitos morriam e não tinham a oportunidade de ezercer o sacerdócio, mas quando escolhidos só tinha uma chance por ano,nós temos livre asseso pra entrar na presença de Deus a qualquer momento em qualquer lugar, oferecer incenso hoje é orar adorar louvar,em êxodo 30. 34 ss Deus ordena Moisés a fabricação do incenso a base de elementos naturais como estoraque onica e galbano plantas aromáticas ,que tem muitas lições a onica é umaconcha usada por um molusco, galbano e estoraque são plantas o processo era simples feria as plantas e no lugar do ferimento com alguns dias depois a planta produzia uma rezina, colhia essa rezina, o onica concha passava pelo fogo era muito tudo junto e estava pronto o incenso, mas Deus disse que coisa santa é e que viria a ele o sacerdote,
Lição quando estamos passando por situação difícil é porque temos que produzir elementos que compõem o incenso hoje pra irmos a presença de Deus com coração aquebrantado ferido coisa santa é, e quando vamos orar adorar louvar a Deus, é uma adoração que move o coração de Deus ele vem e realiza o desejo de nosso coração, as lágrimas derramadas na presença de Deus move a sua graça, isso aconteceu comigo. e aí vai sem fim quanto mais busca medita, a palavra cresce amplia é infinita. amem

Unknown disse...

Amennn me sinto muito abençoada por preciosos comentários como esses. God Bless

Quem sou eu

Minha foto
Igreja Batista Ebenézer. Uma igreja que AMA você!